A corrida de sapos

Coaching, PNL, Desenvolvimento Pessoal

Todos os anos na Sapolândia, uma terra povoada só por sapinhos, existe uma corrida anual, por todos esperada com grande ansiedade. Realiza-se por altura do verão e o objetivo é subir uma torre muito alta.

Começou a competição! Como a multidão que assiste não acredita que os sapinhos consigam alcançar o alto da torre, gritam sem cessar:

“Não vão conseguir, não vão conseguir!”

Um a um, os sapinhos íam desistindo, excepto um que continuava a subir, tranquilo.

A multidão continuava a aclamar: “Não vais conseguir, não vais conseguir! A torre é muito alta e faz muito calor!”

No final da competição, todos os sapinhos tinham  desistido, menos aquele, que venceu o grande prémio.

“Que grande ateleta! Fantástico!” – Todos exclamaram.

Rápidamente se juntou toda a comunicação social à volta do sapinho. Todos queriam saber o que aconteceu, qual era o seu segredo.

Mas o sapinho estava tão cansado que nem podia falar. Então dirigiram-se todos, num frenezim, para a esposa do sapinho e bombardearam-na com perguntas:

“Como é que ele conseguiu chegar ao fim? Como??”

Foi então que ela falou:

– “Simples! Ele é surdo!”